STN retifica Concurso Público com 40 vagas de nível superior e salário de R$ 20 mil

A Secretaria do Tesouro Nacional (STN) anunciou uma atualização no edital de lançamento do seu novo Concurso Público, destinado ao preenchimento de 40 posições para o posto de Auditor Federal de Finanças e Controle.

Conforme estabelecido na Retificação I do edital, foram realizadas modificações em determinados subitens e no conteúdo exigido para o concurso.

As vagas, abertas para candidatos com formação superior em qualquer área do conhecimento, estão assim distribuídas: 18 vagas para a área Econômico-financeira, 2 vagas para Econômico-financeira com foco em Contratações, 7 vagas na área Contábil, 5 vagas em Tecnologia da Informação focadas em Operação e Infraestrutura, e 8 vagas destinadas à Tecnologia da Informação com ênfase em Transformação Digital.

Dentro do total de vagas mencionado, estão inclusas reservas para candidatos (AC, PCD, N) que atendam aos critérios estabelecidos no edital de abertura.

A remuneração oferecida é de R$ 20.924,80, e os candidatos aprovados estarão sujeitos ao Regime Jurídico Único dos Servidores Públicos Civis da União, das Autarquias e das Fundações Públicas Federais.

As inscrições estarão abertas a partir das 16h do dia 29 de janeiro de 2024 até às 16h do dia 4 de março de 2024, no site da FGV. A taxa de inscrição para o cargo de Auditor Federal de Finanças e Controle é de R$ 160,00.

Isenção da taxa de inscrição será concedida somente aos candidatos amparados pelo Decreto nº 6.593/2008, que estejam inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), conforme o Decreto nº 11.016/2022, e aos beneficiados pela Lei nº 13.656/2018, que assegura isenção ao doador de medula, mediante solicitação e comprovação, conforme detalhado no Edital.

Os pedidos de isenção devem ser submetidos entre as 16h do dia 29 de janeiro de 2024 e 16h do dia 31 de janeiro de 2024, no site mencionado acima.

O processo seletivo consistirá em Provas Objetivas, Prova Discursiva, Procedimento de Heteroidentificação e Perícia Médica para aqueles que concorrem, respectivamente, à reserva de vagas para candidatos negros e para candidatos com deficiência.

A Prova Objetiva de Conhecimentos Gerais terá 40 questões sobre Finanças Públicas e Administração Financeira e Orçamentária, Língua Portuguesa, Direito Administrativo e Administração Pública, Direito Constitucional e Estatística. A Prova Objetiva de Conhecimentos Específicos incluirá 70 questões sobre temas específicos conforme detalhado no edital de acordo com a área de interesse.

O prazo de validade deste Concurso Público é de um ano, contados a partir da data da publicação da homologação do resultado final no Diário Oficial da União (DOU), podendo ser prorrogado uma única vez, por igual período.

Sair da versão mobile