domingo, junho 16, 2024

Como Melhorar nos Estudos: 10 Dicas Práticas

Aprimorar as técnicas de estudo pode transformar não apenas suas notas, mas toda a sua experiência de aprendizado. Aqui estão algumas estratégias eficazes para melhorar nos estudos:

  1. Organize seu espaço de estudo:
    • Certifique-se de que sua área de estudo esteja livre de distrações. Isso inclui ruídos desnecessários, desordem e até dispositivos eletrônicos que não sejam essenciais.
  2. Elabore um cronograma de estudos:
    • Um cronograma bem pensado ajuda a manter a consistência. Divida seu tempo de estudo em blocos de 30-50 minutos com pausas de 5-10 minutos entre eles para maximizar a retenção.
  3. Utilize técnicas de memorização:
    • Métodos como mnemônicos, mapas mentais e flashcards podem facilitar a retenção de informações complexas.
  4. Pratique a aprendizagem ativa:
    • Em vez de apenas ler passivamente, tente ensinar o conteúdo aprendido para outra pessoa. Isso não só reforça o que você aprendeu como também revela áreas que precisam de mais revisão.
  5. Mantenha-se hidratado e descansado:
    • A hidratação adequada e uma boa noite de sono são essenciais para o funcionamento ótimo do cérebro.

 

Foto: Shutterstock / Portal EdiCase

7. Relaxe o corpo

Caso, em algum momento, você tenha ansiedade, fique nervoso ou tenha dificuldades para dormir, utilize os seguintes métodos, pois eles trarão excelentes benefícios para relaxar o corpo:

  • Inspire pelo nariz e encha bem os pulmões de uma vez só, rapidamente e de maneira potente;
  • Agora, nas expirações, demore mais, faça bem devagar. Você vai expirar por mais tempo que nas inspirações e isso estimula o vago, que é o principal nervo para a tranquilização do corpo;
  • Faça isso três vezes pelo menos. Inspire rápido e encha os pulmões, agora deixe o ar sair bem devagar.

8. Consuma chocolate

Pesquisas recentes demonstram que o consumo de chocolate libera dopamina, uma substância química que, na verdade, é um potente neurotransmissor com a função de estimular o sistema nervoso central. Essa substância é muito importante para o cérebro, pois também proporciona sensações de prazer e motivação.

O chocolate amargo seria o melhor nesse sentido. Quando você estiver desanimado ou aborrecido com algo, coma um pedaço pequeno desse chocolate e comece a estudar. A produção de dopamina e o ato de ler ficarão associados, será criada uma âncora, e o cérebro pode entender que é a leitura que proporciona prazer.

Foto: Shutterstock / Portal EdiCase

9. Utilize o tempo livre para se divertir

Durante o período de estudos, reserve seu tempo disponível para assistir a filmes de comédias, ir à peças de teatro deste mesmo gênero; nada de romance, dramas ou terror. Só assista a comédias bem engraçadas com as quais você possa dar boas risadas. Isso ajudará a equilibrar seu sistema imunológico e dará, também, boa disposição para os estudos. Pode, ainda, auxiliar no surgimento de novas e saudáveis conexões sinápticas.

10. Converse com você mesmo

Na hora de repassar o material estudado, ou os resumos feitos, converse com você mesmo diante de um espelho como se estivesse representando um papel numa peça de teatro. Isso irá criar uma marca no seu cérebro sobre o tema abordado.

Adotar essas práticas pode não só melhorar suas habilidades de estudo, mas também tornar o processo de aprendizado mais agradável e menos estressante.

Veja também

Leia também:

Grupos WhatsApp