Você é doador de medula? Senado Aprova isenção para doadores

Senado e inclui isenção de taxas de participação em concursos públicos para doadores de medula e candidatos carentes.

Você é doador de medula? Saiba que o projeto SCD 22/2015, que prevê a isenção de taxas de inscrição em concursos públicos para candidatos carentes ou doadores de medula, foi aprovado em sessão do Senado, na ultima terça-feira (27). O projeto original (PLS 295/2007) é de autoria da, então, senadora Serys Slhessarenko (PT-MT).

O texto inicial que foi aprovado em 2008, pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), a proposta inicial era estabelecer a isenção de taxas para candidatos com renda familiar abaixo de meio salário mínimo. O texto foi enviado à Câmara dos Deputados, onde passou por longa tramitação antes de ser aprovado, em 2015.

Nesse tempo foram feitas alterações, estendendo a isenção a candidatos em situação de desemprego, carentes e doadores de medula. O texto, assim, retornou ao Senado para votação sobre a manutenção ou retirada das mudanças.

A CCJ aprovou, praticamente, todas as alterações feitas pela CLDF. Foram retiradas, apenas, a isenção para candidatos desempregados, mantendo o benefícios para os demais casos. O Plenário do Senado votou o substitutivo da Câmara nesta semana, incluindo a alteração da CCJ.

O texto final rege que, para obter a isenção, o candidato carente deve comprovar inscrição no CadÚnico para Programas Sociais do Governo Federal. As exigências devem ser comprovadas no ato da inscrição.

Caso sejam prestadas informações falsas, o inscrito poderá ser punido com cancelamento da inscrição, exclusão da lista de aprovados e anulação do ato de nomeação. Além disso, o edital do respectivo certame deve conter os critérios para isenção de taxas e punições para aqueles que prestarem informações indevidas.

O próximo passo, após a aprovação do Senado, é a sanção ou veto presidencial. Após esse trâmite, o texto se torna lei e pode entrar em vigor. Vale lembrar que concursos públicos já trazem, em seus regulamentos, possibilidade de isenção a inscritos no CadÚnico, bem como doadores de medula, leite materno e sangue (em alguns casos).